HOJE DECIDI RECOMEÇAR

Hoje decidi recomeçar...

Não lembrar do passado a ponto de permitir que ele venha dominar os meus pensamentos, meus sentimentos, minhas palavras e muito menos as minhas ações.


Hoje, decidi recomeçar...

Gravando na pedra os momentos lindos que por mim serão vividos, e escrevendo na areia as ofensas e ingratidões porventura recebidas.


Hoje, decido recomeçar...

Esquecendo completamente os erros do passado, porque o meu Pai Celeste já os apagou, por Sua misericórdia e amor infinito.



Erros, quem nunca os cometeu? Contudo, o que importa não são as falhas, pequenas ou grandes cometidas, mas o perdão recebido, a dívida paga, o favor imerecido... , e tudo por Amor.


Hoje, decidi recomeçar...

Não lembrar definitivamente pecados cometidos, ações que me causaram tanta dor..., eram pesados demais e o meu Pai Celeste as tomou de mim, levando todo o peso, toda a culpa, toda a vergonha, deixando-me leve como uma pluma, feliz como uma criança e radiante como um sorriso.


Hoje, decidi recomeçar...

O que foi vivido, foi vivido, não vai mudar, as marcas do que se foi ficaram, como as pegadas de alguém que pisa num cimento fresco, mas isso não significa que terei que olhar sempre para trás, não! Meu caminho é em frente, o meu Pai Celeste segura em minha mão me guiando com segurança e me dando proteção.


Hoje, decidi recomeçar...

Não como antes, com tentativas frustradas de novos recomeços, mas de uma forma nova, completamente inédita em minha vida, com uma convicção tamanha que somente Deus poderia me fazer voltar atrás, mas como Pai amoroso e presente que É, Ele nunca me faria voltar ao erro novamente, porque Ele, mais do que ninguém, só quer me fazer feliz.


Recomeçar...

Renascer...

Reviver...

Reacender a chama...

Sentir na alma a alegria do Primeiro amor...

Amor de Deus...

Amor de Pai...

Amor sem fim...

Amor eterno...


Recomeçar e me entregar nos braços de quem sempre me amou de forma ininterrupta, apesar de todas as minhas falhas, de todos os meus equívocos...

Erros muitas vezes cometidos na intenção de acertar, mas sozinha, por minha conta e risco, a probabilidade de acertos em minhas escolhas, nem sempre acordadas com o Pai, era sempre zero...


Por isso resolvi recomeçar!

Vou recomeçar...

Meu Pai me ama, continua me amando como sempre me amou. Aliás, eis uma grande verdade: NINGUÉM ME AMA MAIS DO QUE DEUS!

O Seu amor por mim não sofreu alteração alguma, mesmo diante de minha teimosia em pensar que poderia seguir sozinha, contando com a Sua ajuda somente nos momentos mais críticos. Ele me ama INCONDICIONALMENTE!


É maravilhoso sentir brotar, despertar, reviver tamanha alegria, tamanho êxtase, tamanho contentamento.

Qual uma plantinha rara que por algum tempo ficou ressequida, apesar das tentativas do Jardineiro Fiel, incansável nas manobras para salva-la, assim me sinto eu, sentindo desabrochar as primeiras folhinhas verdes, os primeiros brotos, para, em breve, fazer surgir a mais bela e perfumada flor, para alegria do incansável Jardineiro, para regozijo do Pai Amado, o meu Pai de Amor..., que nunca desistiu de mim!


Te amo Meu Pai Celeste! Obrigada!

Obrigada pelo novo começo!

Que eu faça valer a pena.


Por:
Mª Helena Carrijo